Poesias

In Poesia

Poesia: deleite-se ou delete-me (16.09.16).

 

 

Poesia: deleite-se ou delete-me (16.09.16).

 

 Capa do Poemas passionais

Caros amigos,

Por certo que existem milhares/bilhares/trilhares de emoções, mas, uma delas, é muito especial. Qual?

A emoção de quem escreve em ou ao saber que foi lido!

E, embora isso seja secundário, se a pessoa que leu aprovar o texto, a felicidade não tem limites.

Felizmente, tenho provado dessas felicidades com meus escritos.

Obrigado a todo/as que me proporcionaram/proporcionam e proporcionarão esta emoção ímpar!

No sítio indicado em seguida, tenho uma prova filmada e, portanto, documentada, como queria o "seu Pedro Pedreira", da minha alegria!

https://www.youtube.com/watch?v=-lJfAwotnRc&feature=youtu.be

Obrigado à Cris Lima ao organizar o sarau e, especialmente, a declamadora Walquíria Moreira que, se continuar nesse bom caminho, acabará sendo contratada como declamadora oficial (alerta: sem remuneração. Rs).

Até mais,

 

Osório